• INO Nutrição

Semana Ino na Prática - inflamação e perda de peso

A inflamação sistêmica e a liberação de citocinas pró inflamatórias que ocorre quando o paciente perde peso deve ser levada em consideração no momento da conduta nutricional. As alterações metabólicas que ocorrem são complexas e interagem com vários órgãos e tecidos.


Na Figura 1 está representado um esquema das principais alterações e os tecidos afetados pela inflamação que corroboram com a perda de peso. A liberação dessas citocinas causa perda de massa muscular através da proteólise e estresse oxidativo no tecido. O tecido adiposo também sofre com um aumento do lipogênese e uma inibição da lipólise. Além disso o sistema nervoso central altera o apetite do paciente, que gera anorexia, e depressão. O fígado produz proteína de fase aguda e também aumenta o gasto energéticos. Essas e outras alterações metabólicas são causadas por este excesso de inflamação que deve ser controlado para obtermos a reversão da perda de peso.




Figura 1. Esquema dos órgãos afetados pelo excesso de inflamação causado pelo tumor.

Flechas com ponta = estímulo; sem ponta = inibição.

Adaptado de: Porporato Oncogenesis 2016

61 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo